Pelo menos 21 pessoas morreram na sequência de um naufrágio que aconteceu na passada terça-feira no rio Xingú, na Vila do Maruá, no estado brasileiro do Pará, avança o jornal Folha de São Paulo.

Entre as vítimas mortais encontradas esta quarta-feira, está um adolescente de 15 anos, uma criança de um ano e cinco adultos. Das pessoas transportadas na embarcação, 23 sobreviveram.

O governo do Pará tinha divulgado inicialmente que estavam 70 pessoas a bordo mas novas informações de um responsável pelas investigações revelam que estavam 48 pessoas. O Corpo de Bombeiros avança com 49.

Os restantes ocupantes da embarcação continuam desaparecidos, informou o Corpo de Bombeiros Militar.

O naufrágio terá sido provocado por uma tempestade que aconteceu após o barco ter deixado Porto de Moz, onde tinha recebido cerca de 40 novos passageiros. O barco-motor, batizado de “Comandante Ribeiro”, tinha saído do porto da Praça Tiradentes, em Santarém, no Pará, na segunda-feira. O barco tinha como destino a cidade Vitória do Xingú, no Pará.

O Corpo de Bombeiros está a procurar os restantes ocupantes com auxílio de mergulhadores e da equipa da Capitania dos Portos. Dois inquéritos foram já instaurados pela Marinha e pela Polícia Civil para apurar as causas do acidente e possíveis responsáveis.

(Atualizado às 17h35 do dia 24 de agosto com novas informações acerca do número de vítimas)