Dark Mode 166kWh poupados com o Asset 1
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Fotógrafo Pedro Palma desaparece depois de publicar vídeo enigmático no Facebook

Fotógrafo desapareceu minutos depois de ter publicado um vídeo enigmático no Facebook. Irmã conta ao Observador que a família está "em pânico" e que põe "todas as hipóteses em cima da mesa".

i

Pedro Palma, 58 anos, é fotojornalista, cartoonista e artista plástico

Fotografia cedida por Rosário Palma

Pedro Palma, 58 anos, é fotojornalista, cartoonista e artista plástico

Fotografia cedida por Rosário Palma

O fotojornalista e cartoonista Pedro Palma está desaparecido desde a última quinta-feira, depois de ter deixado a casa onde vive com a irmã e a mãe, prometendo regressar o mais tardar na manhã seguinte, contou ao Observador a irmã do fotojornalista, Rosário Palma. Minutos antes de desaparecer, o artista plástico publicou na sua página de Facebook um vídeo enigmático: 10 segundos de ruído branco e ‘chuva’. O vídeo está a deixar amigos e familiares de Pedro Palma intrigados.

“Foi no dia 24, na quinta-feira. O meu irmão passou o dia por aqui por casa, comigo e com gente amiga, e esteve sempre bem disposto. Não se passou nada de diferente, nada de anormal. Depois, mais à noite, disse-me que ia sair para ir ter com uma pessoa amiga e que ia demorar um pouco mais do que o normal. Que quando muito voltava de manhã”, relatou ao Observador Rosário Palma.

Pedro Palma não voltou nem durante a noite nem na manhã seguinte. Já perto da hora de almoço de sexta-feira, preocupada, Rosário decidiu fazer o primeiro apelo público no seu perfil de Facebook. “Ele tem um problema de saúde e tem medicamentos que tem de tomar diariamente“, explica a irmã do fotojornalista, que naquela manhã tentou contactar Pedro sem sucesso. “Assim que telefonei comecei a ouvir o telemóvel dele em casa, e percebi que o tinha deixado cá.”

Foi então que Rosário descobriu um dos elementos mais intrigantes desta história: “Fui ao computador dele, que ele tinha deixado lá em casa também, e vi que estava tudo apagado exceto aquele vídeo“. Por “aquele vídeo”, Rosário refere-se ao pequeno vídeo de 10 segundos que Pedro Palma partilhou na quinta-feira às 20h55 no seu Facebook — que começou por deixar os seus amigos curiosos, e depois preocupados.

São 10 segundos de ruído branco e ‘chuva’, que muitos seguidores começaram a encarar como cartoon “de mau gosto”. Esta segunda-feira, o vídeo já tinha sido visto mais de 11 mil vezes e tem vários comentários de amigos preocupados com o paradeiro do fotojornalista, que é também artista plástico e designer gráfico. A hora a que foi colocado online — 20h55 de quinta-feira — “coincide mais ou menos com a hora a que ele saiu de casa”, destaca a irmã.

“Ainda por cima um vídeo todo sem imagem”, diz Rosário, que continua sem notícias do irmão. Depois de publicar o apelo no seu Facebook, Rosário dirigiu-se à PSP para participar o desaparecimento de Pedro Palma, entregando fotografias recentes do irmão e também da viatura em que terá desaparecido — um Alfa Romeo cinzento escuro com matrícula 21-68-XQ.

“Eu ponho todas as hipóteses e não ponho nenhumas”, desabafa Rosário, que duvida que o irmão tenha desaparecido por sua vontade. “Ele tinha muitos projetos profissionais neste momento que estavam a correr bem. É designer gráfico, fotojornalista, caricaturista, pintor, faz tanta coisa e tinha uma série de projetos em curso. Estava muito empenhado e muito motivado”, destaca.

O Alfa Romeo de Pedro Palma (Imagem cedida por Rosário Palma)

Além disso, Pedro Palma era também muito dedicado aos cuidados de saúde da mãe, de 81 anos, que teve há cerca de dois anos um AVC. “O meu irmão é extremamente preocupado com a saúde da nossa mãe. Nunca saía de casa sem que eu chegasse, organizávamo-nos os dois para ela nunca estar sozinha, tratava muito bem dela. Ele ter desaparecido assim sem ter dito nada, sabendo do estado da minha mãe, acho muito estranho“, sublinha Rosário.

Cartoonista, fotógrafo e designer, Pedro Palma é sobretudo considerado um artista plástico. Autor de inúmeras obras, ganhou especial notoriedade quando organizou uma exposição, em 2010, com fotografias do rosto de Clara Pinto Correia, com quem era casado na altura, enquanto tinha um orgasmo. A ideia, contava na altura ao Diário de Notícias, era “perceber a evolução das expressões da mulher durante o orgasmo até à do sofrimento final, em que parece estar a ser torturada”.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.