Os portugueses gastaram em julho mais de 4 mil milhões de euros em pagamentos como em lojas, hipermercados, restaurantes e hotéis, uma média de 130 milhões por dia, o que supera os valores registados normalmente no Natal — o período em que tendem a registar-se os valores máximos do ano.

A conclusão é de um estudo feito pelo Banco de Portugal, citado esta segunda-feira pelo Correio da Manhã, que parte dos dados da rede Multibanco. O estudo adianta, também, que além dos pagamentos, houve um total de 2,7 mil milhões de euros, sensivelmente o mesmo que no mês anterior.

O mesmo estudo acrescenta, no que diz respeito aos levantamentos, que os turistas levantaram menos dinheiro em Portugal, ao passo que os levantamentos realizados por portugueses no exterior aumentaram em 3,6 milhões, para 41,6 milhões, de euros durante o mês de julho.