Dois incêndios de grandes dimensões lavram esta sexta-feira à noite no distrito de Castelo Branco, nos concelhos da Sertã e da Covilhã, mobilizando 441 operacionais e 134 meios terrestres, e provocando o corte do Itinerário Complementar 8.

Segundo informação constante na página da Internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), o incêndio na Sertã lavrava em mato, e mobilizava – pelas 21h15 – 171 operacionais, apoiados por 50 veículos.

Já as chamas na freguesia de Paul, concelho da Covilhã, lavram em mato com uma frente ativa, e tiveram origem num reacendimento.

Pela mesma hora, as chamas estavam a ser combatidas por 270 homens e 84 meios terrestres.

Contactada pela agência Lusa, a Guarda Nacional Republicana (GNR) informou que o IC8 se encontra cortado ao trânsito nos dois sentidos entre os quilómetros 94 e 97, na localidade de Carvalhal, Sertã.

A GNR avançou que a Estrada Nacional 2 também se encontrava encerrada nos dois sentidos e na mesma zona.

Mais dois incêndios mobilizavam esta noite um número substancial de meios, encontrando-se em fase de conclusão.

Um em Barcelos (distrito de Braga), que mobiliza 98 operacionais apoiados por 35 veículos, enquanto o outro se localiza em Grândola (Setúbal), estando a ser combatido por 107 homens e 40 meios terrestres.