O responsável máximo pela Pesquisa e Desenvolvimento da Lamborghini, Maurizio Reggiani, reconheceu em Frankfurt que a marca de Sant’Agata Bolognese, embora focada no lançamento do primeiro SUV da sua história – o Urus, previsto para Dezembro –, não deixa de pensar em novos projectos e desafios, estando já a trabalhar num novo modelo ultra exclusivo, de apenas algumas unidades, um pouco à imagem de marcos na história do construtor, como o Sesto Elemento, o Veneno ou o Centenário.

Segundo revelou este mesmo responsável, esta será uma proposta one-off, qualificação que para a marca italiana significa não uma só unidade, mas “um pequeno número de carros”.

Maurizio Reggiani não revelou mais qualquer outra informação ou detalhe sobre o futuro modelo, a não ser que estreará uma nova tendência de design, a par de novas tecnologias. Um pouco, aliás, à imagem do já sucedido com o Centenário, por exemplo, proposta que “estreou o sistema de rodas traseiras direccionais, que acabou por ser passada depois aos modelos de produção”, mais concretamente, no Aventador S.

Garantido parece estar que o futuro modelo será mais um superdesportivo que acabará ainda antes mesmo de entrar oficialmente em comercialização, uma vez que, de acordo com Reggiani, está previsto que seja proposto apenas a um lote dos mais fiéis clientes da marca. Os quais terão assim a possibilidade de reservar uma das poucas unidades produzidas. Estratégia já aplicada – e com total sucesso – em modelos como o Sesto Elemento, em 2010; em qualquer uma das versões (Coupé e Roadster) do Reventón, ou ainda no Aventador J, no Veneno Roadster e no Centenário.

O responsável máximo pela Pesquisa e Desenvolvimento da Lamborghini também recusa aceitar que o futuro modelo possa ser um seguidor do agora apresentado Mercedes-AMG Project One, uma vez que, defendeu, foi a Lamborghini – e não o fabricante alemão – a primeira a fazer um carro do género. Mais concretamente, em 2007, com o nome de Reventon.

Certamente já em desenvolvimento, o novo modelo só deverá ser desvendado em 2018, muito provavelmente no Salão Automóvel de Genebra, agendado para Março. Ainda que tudo aponte para que os clientes contemplados com a possibilidade de ficarem com um exemplar devam ser contactados ainda este ano.