O laboratório de Châtenay-Malabry, encarregado das análises antidoping em França, foi suspenso esta terça-feira pela Agência Mundial Antidopagem (AMA), devido a uma contaminação de amostras, revelou a agência noticiosa AFP.

Segundo a agência noticiosa francesa, que cita várias fontes, a suspensão prende-se com amostras contaminadas de culturismo e o uso de esteroides, embora o comunicado da AMA se refira à descoberta de “problemas nas análises”.

Châtenay-Malabry era o único laboratório em solo francês, tendo processado cerca de 13.500 amostras em 2016, estando agora impedido de fazer novos testes até a AMA levantar a suspensão.