Rádio Observador

UNITA

Angola. Adalberto da Costa Júnior reconduzido como líder da bancada parlamentar da UNITA

A decisão foi tomada após a primeira reunião do grupo parlamentar da UNITA, que quase duplicou, para 51, o total de deputados, na sequência das eleições gerais de 23 de agosto passado.

PAULO NOVAIS/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O deputado da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA) Adalberto da Costa Júnior foi esta quinta-feira reconduzido como presidente daquele grupo parlamentar, informou à Lusa fonte do maior partido da oposição.

A decisão foi tomada após a primeira reunião do grupo parlamentar da UNITA, que quase duplicou, para 51, o total de deputados, na sequência das eleições gerais de 23 de agosto passado, em que foi o segundo partido mais votado.

A decisão consta de um despacho que segundo a UNITA já foi enviado ao presidente da Assembleia Nacional, assinado pelo líder e deputado do partido, Isaías Samakuva, designando ainda os deputados Estevão José Pedro Kachiungo e Albertina Navemba Ngolo Felisberto para os cargos de primeiro e segunda vice-presidentes da bancada, respetivamente.

Os deputados angolanos (219 de um total de 220) tomaram posse a 28 de setembro, estando a sessão de abertura do novo ano parlamentar – o primeiro da atual legislatura – agendada para o dia 16 de outubro.

O Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) venceu as eleições gerais de 23 de agosto, mas perdeu 25 deputados no parlamento, passando para 150.

O partido já anunciou que o deputado Salomão Xirimbimbi será o novo presidente do grupo parlamentar do MPLA durante os próximos cinco anos, em substituição de Virgílio de Fontes Pereira, enquanto Fernando da Piedade Dias dos Santos continua a liderar o parlamento, conforme votação realizada a 28 de setembro.

Nas eleições gerais de agosto, a Convergência Ampla de Salvação de Angola – Coligação Eleitoral (CASA-CE) elegeu 16 deputados, o Partido de Renovação Social (PRS) dois e a Frente Nacional de Libertação de Angola (FNLA) um deputado.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Socialismo

Má-fé socialista /premium

José Miguel Pinto dos Santos

Não é a situação social em Portugal muito melhor que na Venezuela — e que nos outros países socialistas? Sim, mas quem está mais avançado na implantação do socialismo, Portugal ou Venezuela?

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)