A GNR do posto territorial de Porto de Mós, no distrito de Leiria, deteve um homem de 19 anos “pela prática do crime de incêndio florestal”.

A detenção aconteceu esta terça-feira e foi anunciada um dia depois em comunicado da GNR. Segundo aquele documento, a detenção foi feita após as autoridades receberem uma denúncia. “Os militares deslocaram-se ao local do incêndio que, com a colaboração de populares, identificaram e detiveram o presumível autor da ignição”, lê-se no comunicado.

O detido foi constituído arguido e, na altura de publicação desta notícia, foi levado ao Tribunal Judicial de Porto de Mós.

Gabriel Roldão: “O Pinhal de Leiria já está morto há 12 anos”

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR