Audi

Emissões. Audi admite chamar 5.000 A8 às oficinas

A Audi pode vir a chamar às oficinas 5.000 unidades do A8 produzidas entre 2013 e 2017, devido a emissões excessivas de NOx. Neste momento, tudo depende das autoridades alemãs que analisam o tema.

Segundo a Audi, 3.660 das unidades afectadas estão registadas na Alemanha

Abdruck fuer Pressezwecke honorarfrei

Envolvida no escândalo da manipulação das emissões conhecido como Dieselgate, a Audi tem vindo a procurar livrar-se deste estigma, nomeadamente através de uma verificação, ao longo dos últimos 12 meses, de todos os seus motores a gasóleo. Sendo que a marca dos quatro anéis vem agora admitir a possibilidade de chamar às oficinas 4.997 unidades do modelo A8, equipadas com o turbodiesel V8 4,2 litros, devido a uma possível emissão excessiva de gases de óxidos de azoto (NOx).

A convocatória, que deverá abranger unidades produzidas entre Setembro de 2013 e Agosto de 2017, está dependente das conclusões a que chegarem as autoridades alemãs que estão a analisar o caso. Com um porta-voz da Audi a explicar, em declarações ao Automotive News Europe, que a Autoridade Federal de Transportes Motorizados da Alemanha procura uma possível manipulação ilegal das emissões.

Caso as suspeitas se confirmem, o fabricante de Ingolstadt promete resolver o problema com uma actualização de software, a qual deverá estar disponível ainda durante o primeiro trimestre de 2018.

“Entre outros efeitos, a actualização deverá garantir que, especialmente após os arranques a frio, o motor seja capaz de atingir mais rapidamente as condições óptimas para operar, nomeadamente em termos de tratamento de gases de escape, melhorando assim o nível de emissões quando em condições reais de condução”, esclarece a Audi, em comunicado. Acrescentando que “os testes que vierem a ser realizados ajudarão a garantir que o software não trará quaisquer desvantagens para os clientes, tanto em termos de consumos, como de performance”.

Ainda segundo a marca dos quatro anéis, 3.660 das unidades afectadas estão registadas na Alemanha.

Recorde-se que, ainda em Julho deste ano, a Audi anunciava a intenção de promover um recall de mais de 850 mil carros com motores diesel, de seis e oito cilindros, para actualização do software. Serviço que, aliás, o Grupo Volkswagen propôs igualmente às marcas Porsche e Volkswagen, para aplicação nos modelos com motores diesel Euro 5 e Euro 6.

Recomendador: descubra o seu carro ideal

Não percebe nada de carros, ou quer alargar os horizontes? Com uma mão-cheia de perguntas simples, ajudamo-lo a encontrar o seu carro novo ideal.

Recomendador: descubra o seu carro idealExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)