Jessica Athayde diz estar a ser alvo de ameaças por parte de ex-funcionários da discoteca Urban Beach, escreve o Correio da Manhã. A atriz foi uma das primeiras figuras públicas a partilhar o vídeo das agressões nas imediações do Urban Beach, na madrugada do dia 1 de novembro, nas redes sociais. Agora, garante que tem recebido várias mensagens intimidatórias na sua página de Facebook.

“Ao que parece, passei a ser culpada deste número todo do Urban. A minha página está cheia mensagens de empregados/seguranças que trabalham lá, ou melhor, trabalhavam. Até parece que fui a única pessoa que fez a partilha do vídeo e até fui eu própria que mandei fechar o Urban! Se eu aparecer com um olho negro, já sabem. Parece que este ‘pessoal da noite’ não brinca”, disse Jessica Athayde, citada pelo Correio da Manhã.

Algumas das ameaças terão sido feitas publicamente na página de Facebook da atriz, acrescenta o Notícias Ao Minuto, que dá conta de uma troca de palavras acesa entre uma conta com o nome do blogue de Jessica (Jesse James) e uma outra alegadamente falsa. “Um dia vais estar a passear na tua vidinha e, quem sabe, talvez sejas assaltada ou agredida por mitras como estes que lá andavam à porta do Urban e não tenhas ninguém para te ajudar”, escreveu um utilizador, ao que Athayde respondeu “Gosto muito de ameaças vindas de um perfil falso”.

O vídeo partilhado pela atriz de 31 anos teve mais de um milhão de visualizações e foi partilhado mais de 40 mil vezes. Entretanto, o Governo fechou a discoteca durante seis meses e dois dos arguidos ficaram em prisão preventiva.