Mais uma adenda ao disparar de palavras entre presidente do Sporting e Sp. Braga: depois da resposta, da contra-resposta e da resposta à contra-resposta, houve uma resposta à resposta da contra-resposta. Que é como quem diz, Bruno de Carvalho comentou as palavras de António Salvador ao final desta manhã de segunda-feira. “Está a alimentar uma novela que apenas serve para agradar a alguns que querem ver casos como os vouchers e os emails saírem da agenda”, comentou o líder verde e branco numa publicação no Facebook.

António Salvador fala em “desespero” de Bruno de Carvalho por não conseguir vender jogador

“Como não pode desmentir nada sobre o jogo e as suas atitudes no final dos mesmos, vem agora fazer mais ruído para fugir à minha questão/desafio. Primeiro, com uma história de suposta insistência na tentativa de venda de um craque. E até diz dias… Dá credibilidade à história… É um bocadinho forçado, sem o mínimo interesse para o caso, mas, como tentativa, é de louvar”, disse. E prosseguiu: “Mas se opta por ir por aí é porque tem algum peso na consciência que alguém deverá analisar, mas que não serei eu pois não sou nem psicólogo, nem padre, nem polícia. Vou então escrever ao estilo desenho: o agente em comum de quem falei é Jorge Mendes que, não é segredo nenhum para ninguém, trabalha muito com o Sp. Braga e com o Benfica. Porque será que se ‘picou’ tanto? Isto é mentira? Tem alguma coisa que o preocupe tanto para o levar a reagir desta forma?”.

“Outra de bradar aos céus é que a Britalar e a Obriverca, ou outras empresas de cada um, nunca fizeram obras em conjunto… Vá lá saber-se o porquê destas afirmações. Também aqui não serei eu a analisar. Mas que deixa alguma curiosidade deixa. E tudo isto para fugir à verdadeira questão: porque gosta tanto de fazer conferências de imprensa após os jogos com o Sporting e, em situações semelhantes, não faz o mesmo com os nossos rivais?”, referiu Bruno de Carvalho, antes de voltar a desafiar António Salvador como tinha feito após o empate a dois em Alvalade.

“Quer continuar? Se assim for vamos a isso. Mas, primeiro, mande lá a gravação da conferência de imprensa após o jogo da 1.ª jornada com o Benfica, que quero vê-lo a reclamar de um lance que lhe retirou dois pontos. É um pedido tramado, eu sei. Mas, se não tiver gravação, com a sua imaginação pelo menos arranjará uma desculpa para esse comportamento”, concluiu o presidente verde e branco.