O veículo eléctrico foi definido pela BMW como a “prioridade máxima”, motivo pelo qual a marca de Munique estará já a desenvolver o seu primeiro SUV eléctrico. Produto que não só será baseado no modelo do género de maior sucesso na oferta do construtor, o best-seller X3, como até terá um nome parecido – iX3.

Segundo avança a AutoExpress, a BMW terá já dado entrada de um pedido de propriedade intelectual relativamente à denominação iX3. Recorde-se, a propósito, que a marca alemã já confirmou a intenção de propor uma variante eléctrica de um modelo tipo X3, a qual tem, inclusivamente, chegada prevista já para 2019.

Mas o fabricante terá patenteado também siglas que vão desde o iX1 até ao iX9, o que permite antecipar planos para um chorrilho de SUV eléctricos.

10 fotos

Confirmando a aposta na mobilidade eléctrica, importa igualmente recordar que, após o iX3, a gama “i” deverá continuar a aumentar, com o i5. Modelo que terá por base o protótipo Vision i Dynamics Concept e cuja passagem à produção está agendada para 2020. Sendo que a expectativa da BMW é que só estes dois modelos garantam grande parte do desejado crescimento de 25% nas vendas mundiais, até 2025. Isto num fabricante que, só em 2017, promete chegar ao final do ano com 100 mil veículos híbridos plug-in transaccionados.

A caminho está também o recentemente renovado i3, agora com uma nova versão S, ou desportiva. Com as vendas a iniciarem-se, ao que tudo indica, dentro de alguns meses.

“Novo” i3 chega com excitante versão desportiva

Já no próximo Salão Automóvel de Los Angeles, cujas portas abrirão no final deste mês, a BMW deverá dar a conhecer a mais recente variante do desportivo i8, o Roadster. O qual, mercê da adopção de uma bateria de 14 kWh, deverá conseguir anunciar uma potência na ordem dos 400 cv. De certa forma, uma antevisão dos tempos que aí vêm, e que prometem até trazer versões M eléctricas…