Os deputados elegeram esta segunda-feira Abílio Morgado para o Conselho de Fiscalização do Serviço de Informações da República (SIRP), com 153 votos, e Mário Mesquita para a Entidade Reguladora da Comunicação Social (ERC), com 160 votos.

Abílio Morgado obteve mais três votos do que os 150 necessários para a eleição, tendo em conta que votaram 225 deputados, sendo, assim, eleito à segunda tentativa, depois de ter falhado a eleição no dia 20 de outubro.

O nome proposto pelo PSD para liderar o conselho de fiscalização das ‘secretas’ teve 62 votos em branco e 10 nulos.

Mário Mesquita foi eleito para a Entidade Reguladora para a Comunicação (ERC) com 160 votos favoráveis, 56 brancos e 9 nulos.