O avançado da Juventus Gonzalo Higuaín foi esta segunda-feira submetido a uma operação a fratura na mão esquerda e vai falhar na sexta-feira o duelo de sexta-feira frente ao Nápoles, líder da liga italiana de futebol.

Segundo informou o clube, a operação ao terceiro metacarpo do futebolista, que tem oito golos em 13 jogos no campeonato, durou 45 minutos e correu “perfeitamente”.

“A operação foi um sucesso e nos próximos dias ficará definido o momento do seu regresso à competição”, revelou o clube ‘bianconero’.

Com a mão ligada, em função da lesão contraída num treino, o internacional argentino ficou no banco no triunfo da Juventus por 3-0 sobre o Crotone, domingo.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Sem Higuain, é provável que seja Mario Mandzukic a ocupar o centro do ataque da ‘vecchia signora’ frente ao Nápoles, que comanda com quatro pontos de vantagem sobre a Juventus e dois sobre o Inter, segundo classificado.

A hexacampeã Juventus visita o Nápoles, precisamente o clube a quem contratou Higuaín, numa polémica transferência de 90 milhões de euros.

Depois do jogo de sexta-feira, a Juventus, adversária do Sporting na Liga dos Campeões, com quem discute o apuramento, visita o Olympiacos dia 5 de dezembro e a 9 recebe o Inter, outro dos rivais na corrida ao título.