LeBron James, jogador dos Cleveland Cavaliers, foi expulso na terça-feira pela primeira vez, ao 1.299.º encontro na Liga norte-americana de basquetebol, a NBA, entre embates da fase regular e dos ‘play-offs’.

A 1.59 minutos do final do terceiro período do jogo com os Miami Heat, o ’23’ dos ‘Cavs’ protestou de forma ‘furiosa’ uma alegada falta não marcada num lançamento e viu o árbitro Kane Fitzgerald mostrar-lhe duas faltas técnicas e tirá-lo do encontro.

Com os ‘Cavs’ a vencer por 93-70, LeBron James, de 32 anos, foi, assim expulso, algo inédito na sua carreira na NBA, na qual disputou 1.082 encontros na fase regular e 217 nos ‘play-offs’, em 15 épocas, desde 2003/04.

A ‘estrela’ do conjunto de Cleveland terminou o encontro com 21 pontos, com 10 em 16 nos ‘tiros’ de campo, 12 ressaltos, seis assistências e cinco roubos de bola, em 28 minutos.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Mesmo sem LeBron James na parte final, os Cleveland Cavaliers não tiveram problemas para bater os Miami Heat por 108-97, numa noite inspirada de Kevin Love, autor de 38 pontos, incluindo 22 no primeiro período e 32 na primeira parte.

Os ‘Cavs’ somaram o nono triunfo consecutivo, registo que não conseguiam desde 2015, e seguem no terceiro lugar da Conferência Este, com 14 vitórias e sete derrotas. Lideram os Boston Celtics (18-4), seguidos dos Detroit Pistons (13-6).