Rádio Observador

Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo: difícil já é não bater recordes

879

Mais um jogo, mais um recorde. Cristiano Ronaldo tornou-se esta noite o melhor marcador da história do Mundial de Clubes, depois de fazer o golo do empate frente ao Al-Jazira Club.

Com 32 anos, o português é o rei dos recordes no futebol

ZIPI/EPA

O Real Madrid venceu esta quarta-feira o Al-Jazira Club, dos Emirados Árabes Unidos, no jogo da meia-final do Mundial de Clubes. O clube espanhol até começou a perder, com um golo de Romarinho – não, não é o filho de Romário – mas deu a volta ao resultado e ganhou por 2-1.

Mas o jogo fica na história por outros motivos. Aos 53 minutos, Cristiano Ronaldo fez o golo do empate. E parece que a cada golo, o português bate um recorde. O remate desta noite, a passe de Luka Modric, fez de Ronaldo o melhor marcador da história do Mundial de Clubes.

O avançado português estava até aqui em igualdade com os argentinos Lionel Messi e César Delgado e o uruguaio Luis Suárez – todos com cinco golos. Agora tem seis e é o rei dos marcadores da prova.

Com esta vitória, o Real Madrid apurou-se para a final do Mundial de Clubes, onde vai disputar o troféu com os brasileiros do Grémio.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)