O treinador do Sporting vincou este sábado o objetivo de passar o Natal na liderança da I Liga de futebol, mas lembrou que em dezembro ninguém ganha nada, aludindo ao primeiro ano de técnico dos ‘leões’.

Jorge Jesus fazia a antevisão ao encontro do domingo frente ao Portimonense, referente à 15.ª jornada, quando afirmou que a sua equipa está confiante para terminar o ano no topo da tabela.

“Trabalhámos para isso, confiamos nisso e temo-nos preparado, sabendo que esta equipa do Portimonense tem feito bons jogos contra os nossos dois rivais. É um sinal para perspetivar que vai ser um jogo intenso e difícil para o Sporting”, começou por alertar, frisando que o pensamento está apenas na vitória, “respeitando” sempre os algarvios.

O técnico sabe do valor do conjunto orientado por Vítor Oliveira, destacando a melhor virtude dos campeões da II Liga da temporada passada.

“Tirando os quatro primeiros, o Portimonense é equipa com mais golos marcados. Ofensivamente demonstra que é uma equipa com qualidade, temos de ter cuidado com esses dois jogadores [Fabrício e Nakajima], mas com todos no geral. Temos de estar prevenidos”, referiu.

Na liderança do campeonato em igualdade pontual com o FC Porto, Jorge Jesus salientou que nenhuma equipa ganha no mês de dezembro e fez um balanço dos três anos que leva como técnico dos ‘leões’.

“O Sporting está no topo, não está perto de ganhar nada. Está a competir com os melhores, é um dos melhores também. Melhorámos em tudo, não fui só eu. Quantos mais anos temos, melhor ficamos, mais experientes e com mais conhecimento. Com 86 pontos não fomos campeões e ainda estou para perceber, mas ao longo destes anos temos vindo a reforçar a equipa”, contou.

A terminar, o técnico abordou algumas questões individuais do plantel, nomeadamente a situação do argentino Alan Ruiz.

“Vi muito potencial, sei que ele tem, mas tem umas características que, se estiver sem competição e sem treinar, perde a intensidade e a qualidade. Depois acaba por perder muitas bolas e não desenvolve. Neste momento, não está tão confiante. Temos de tentar recuperá-lo, insistir”, terminou.

O Sporting, segundo classificado do campeonato, com 36 pontos, recebe no domingo, no Estádio José Alvalade, pelas 18:00, o Portimonense, 11.º, com 16, num encontro referente à 15.ª jornada.