A consoada dos polícias espanhóis que estão deslocados na Catalunha está a provocar revolta. Croquetes, massa, um mexilhão e bacalhau frito: foi esta a ceia de Natal dos polícias que estão longe das famílias desde 1 de outubro, o dia do referendo catalão.

As imagens do jantar — que foram rapidamente partilhadas pelos polícias nas redes sociais — chegaram aos sindicatos. Num post no Twitter, o sindicato que agrega todos os polícias espanhóis escreveu “tratam melhor os delinquentes”.

O El Confidencial conta que a consoada teve lugar no “Rhapsody”, um dos três ferrys que foram contratados em outubro para acolher os polícias deslocados na Catalunha, provenientes de várias regiões de Espanha. Juan Ignacio Zoido, o ministro do Interior espanhol, já indicou à Direção-Geral da Polícia a abertura de um inquérito para que sejam apuradas responsabilidades.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O El País recorda que o ministro já tinha agendadas para esta terça-feira duas reuniões, com os sindicatos da polícia e os representantes da Guardia Civil, para discutir a equiparação salarial e que, mais do que provavelmente, o tema da consoada dos polícias na Catalunha deverá ser discutido.