Vodka mais cara do mundo roubada de um bar na Dinamarca

A garrafa apareceu num episódio da série House of Cards. Custa 1,3 milhões de dólares (cerca de 1,08 milhão de euros). Foi roubada de um bar em Copenhaga, na Dinarmarca, esta terça-feira.

i

amna_news/Twitter

amna_news/Twitter

É feita de ouro e prata e tem um diamante incorporado. Custa 1,3 milhões de dólares (cerca de 1,08 milhão de euros). É a garrafa de vodka mais cara do mundo. Foi roubada esta terça-feira do bar Cafe 33, em Copenhaga, na Dinamarca, que expõe uma coleção de vodka.

A polícia não tem a certeza se o ladrão que entrou no bar em Copenhaga tinha uma chave ou arrombou a porta. A BBC disponibilizou um vídeo das câmaras de vigilância que mostra o assaltante a agarrar na garrafa de vodka e a fugir do bar com ela na mão:

A garrafa tinha sido emprestada ao bar temporariamente. Ingberg, proprietário do Cafe 33, disse ao canal de televisão TV2, citada pela BBC que a garrafa — criada pela empresa russa de carros de luxo Russo-Baltique — tinha sido emprestada pela empresa Dartz Motor Company, com sede na Letónia. “Fez parte da minha coleção por seis meses, mas não mais”, explicou ainda Ingberg.

O fundador de Dartz, Leonard Yankelovich, disse à BBC que acredita que o ladrão devolva a garrafa, que apareceu num episódio de House of Cards como um presente do presidente russo para o seu homólogo americano.

Recomendamos

Populares

Últimas

A página está a demorar muito tempo.