Os Estados Unidos pediram esta quinta-feira uma reunião, com caráter de urgência, do Conselho de Segurança das Nações Unidas, para abordar a onda de agitação política e social no Irão, revelaram diplomatas à agência France Presse.

A realização da reunião, que carece de confirmação pela presidência do Conselho de Segurança da ONU, assegurada este mês pelo Cazaquistão, deverá ser agendada para a noite de sexta-feira, na sede da ONU, em Nova Iorque.

Os protestos no Irão, iniciados no último fim de semana de 2017, provocaram já mais de duas dezenas de mortos e quase meio milhar de detidos.

Os manifestantes insurgiram-se contra a corrupção e as precárias condições de vida naquele país do Médio Oriente e em algumas cidades registaram-se assaltos a esquadras de polícia.