Trinta e cinco centros de saúde de Lisboa e Vale do Tejo vão ter horário alargado durante a semana até finais de janeiro e haverá mais unidades de saúde abertas ao fim-de-semana devido ao pico da gripe.

O anúncio foi feito esta sexta-feira pelo presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo que, em declarações aos jornalistas, apresentou o “reforço dos centros de saúde”, tendo em conta o período de inverno e o esperado pico da gripe.

Além dos 35 centros de saúde, que estarão abertos até às 22h00 durante a semana, estarão 47 unidades a funcionar ao sábado e 37 abertas ao domingo.

A ARS de Lisboa e Vale do Tejo estima que este alargamento de horários vigore até 28 de janeiro e indica que irá publicar a listagem dos centos de saúde com horário alargado no seu site da internet.