O campeão inglês de futebol Chelsea vai ser obrigado a um segundo jogo para tentar atingir os 16 avos de final da Taça de Inglaterra, após empatar 0-0 na visita ao Norwich City, da segunda divisão.

Frente ao 13.º classificado do segundo escalão, que teve Ivo Pinto no ‘onze’ e Nélson Oliveira a entrar aos 83, o Chelsea, com o guarda-redes Eduardo no banco, não conseguiu desfazer o ‘nulo’, pelo que ainda não se conseguiu juntar aos outros ‘gigantes’ na próxima ronda.

Os treinadores Nuno Espírito Santo e Carlos Carvalhal, que lideram o Wolverhampton e o Swansea, respetivamente, empataram 0-0.

O médio Ruben Vinagre foi expulso nos locais logo aos 40 minutos, caminho seguido pelo médio holandês Leroy Fer aos 67, deixando as equipas igualadas a 10 elementos no terreno de jogo.

Espírito Santo, que lidera a segunda divisão com 12 pontos de avanço, teve também Hélder Costa no ‘onze’, deixando no banco Roderick e Pedro Gonçalves, enquanto Carvalhal, que acabou de ‘pegar’ no Swansea, último da Liga principal, contou com Renato Sanches na equipa.

O Manchester City sentiu mais problemas em casa do que indicia a goleada sobre o Burnley, por 4-1, pois o jogo esteve complicado até ao momento em que ‘Kun’ Aguero o desbloqueou, já no segundo tempo, depois de Barnes ter inaugurado o marcador para os visitantes, aos 25. Aos 56 minutos, o avançado argentino concluiu um livre marcado de forma muito rápida, que apanhou os adversários desprevenidos, e somente dois minutos depois, após tabela com Gundogan, deu a volta ao resultado.

O Burnley quebrou física e animicamente, sofrendo ainda tentos de Sané (71) e do português Bernardo silva (82), apenas três minutos após entrar em campo. O Watford de Marco Silva venceu o Bristol City, da segunda divisão, com golos do peruano Carrillo (37), de Deeney (57) e do francês Capoue (85).

O Leicester não conseguiu bater o modesto Fleetwood Town, da terceira divisão, e vai decidir a eliminatória em casa após 0-0

Sexta-feira, o Manchester United de José Mourinho não teve vida fácil para afastar o secundário Derby County (2-0), enquanto o Liverpool só nos instantes finais eliminou o Everton (2-1).