Há mais um bug (falha informática) encontrado na nova versão do sistema operativo da Apple para os iMac, o High Sierra. Se estiver a utilizar o software e não quiser que outra pessoa possa alterar as definições que tem na sua App Store ter uma palavra-passe não lhe vai servir de nada. O erro informático encontrado pelo grupo Open Radar, e reportado pelo Macworld, demonstra que quando esta é pedida basta inserir qualquer conjunto aleatório de carateres para passar a barreira de segurança.

O Observador confirmou esta falha em dois modelos de computadores da Apple (um Macbook Air e um iMac) com a última atualização do sistema operativo. Ainda no final de novembro tinha sido descoberto um bug que permitia a qualquer pessoa aceder a um Mac.

Segundo testes feitos por quem encontrou a falha, na versão de teste da próxima atualização do sistema não é possível replicá-lo. Se tem ou utiliza um Mac e quer saber se foi afetado, vá a preferências do sistema, abra o ícone da App Store na janela. Se tiver bloqueado o símbolo do cadeado tente desbloquear e vai-lhe ser pedida uma palavra passe com o nome de utilizador. Escreva qualquer coisa e, se o cadeado desbloquear, confirma o erro.

As consequências desta falha não são tão graves como aquela que foi encontrada em novembro. Na prática, permite a qualquer pessoa que aceda às definições da App Store num Mac mudar as preferências do utilizador, o que a ter efeitos nefastos requer táticas muito complexas, não deixando o utilizador verdadeiramente em grande risco de segurança. No entanto, vários utilizadores já criticam a empresa por ter deixado escapar mais um detalhe na qualidade do sistema que fornece.