A polícia francesa recuperou a totalidade das joias roubadas na joalharia do Ritz de Paris, na quarta-feira. Um dos dois assaltantes que conseguiu escapar à investida das autoridades deixou cair o saco – com todas as joias, avaliadas em 4,5 milhões de euros. “Podemos confirmar que todas as joias roubadas foram encontradas num saco recuperado pelos agentes da polícia”, revelou uma fonte próxima da investigação, segundo a Reuters.

Cinco homens armados roubaram aproximadamente 4,5 milhões de euros em joias de uma joalharia no hotel Ritz de Paris, em França. Por volta das cinco da tarde de quarta-feira, os assaltantes partiram as janelas da loja com machados e entraram.

O Le Parisien conta que foram surpreendidos por um polícia, que estava a cumprir o turno no hotel, e três acabaram por ser detidos ainda no local. A BBC avança que os outros dois assaltantes fugiram numa motorizada e num carro: terá sido o condutor da motorizada a deixar cair o saco, depois de colidir com um peão. O carro usado pelo outro assaltante foi encontrado horas mais tarde em Sannois, a norte de Paris.