O Governo vai propor a dotação de 40 milhões de euros para o arranque da construção do novo Hospital Central de Évora, no âmbito da reprogramação do programa Portugal 2020, prevista para este ano.

O anúncio foi feito esta sexta-feira pelo primeiro-ministro, António Costa, no início de uma reunião com o Conselho Regional da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDRA), em Évora.

A reprogramação do Portugal 2020 “terá, pelo menos, um importante investimento” na região, que “é a dotação de 40 milhões de euros, é a nossa proposta, para o arranque do novo Hospital de Évora”, afirmou.

O lançamento do concurso para a construção do novo hospital chegou a estar previsto para o ano passado, após o Governo decidir o seu modelo de financiamento, segundo disse, em outubro de 2016, o ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, mas o procedimento não se concretizou.