A PJ apreendeu 8.798.400 cigarros de contrabando que estavam num contentor na zona de Lisboa, indicou esta quinta-feira a polícia.

Em comunicado, a PJ adianta que o contentor de tabaco apreendido “seria proveniente de Singapura e teria o Reino Unido como destino”.

Segundo a PJ, foram apreendidas 564 “master boxes” de tabaco da marca Manchester, no total de 8.798.400 cigarros, ultrapassando os 1,5 milhões de euros o valor do prejuízo ao Estado correspondente ao imposto que não seria cobrado.

A Polícia Judiciária adianta que as investigações vão continuar. A apreensão foi feita pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) da PJ no âmbito de um inquérito do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa.