A equipa número 5 da Mustang Sampling Cadillac, da qual fazem parte os portugueses Filipe Albuquerque e João Barbosa e também o brasileiro Christian Fittipaldi, venceu a reputada corrida das Rolex 24 Horas, em Daytona, no estado norte-americano da Flórida. Além de levarem a taça, o trio de pilotos conseguiu quebrar o recorde de distância percorrida durante a corrida, que já perdurava há 36 anos.

A equipa da Mustang tinha partido para esta corrida em segundo lugar, depois de ter falhado por um centésimo de segundo a pole position. A corrida arrancou este sábado às 19h40 de Lisboa (14h40 locais). Nas 24 horas que se seguiram, os três pilotos revezaram-se ao volante do Mustang.

Os pódios não são uma novidade para este grupo. Já no ano de 2017, terminaram em segundo lugar. Em 2014 (juntamente com Christian Fittipaldi) e em 2010, João Barbosa já tinha feito parte de equipas que terminaram em primeiro lugar. O piloto brasileiro também já tinha vencido esta corrida em 2004.

Entre as equipas que criaram mais expectativas está a da United Autosport, da qual faz parte o piloto de Fórmula 1 Fernando Alonso. Porém, as ambições desta equipa ruíram quando um problema nos travões obrigou o carro a parar cerca de 20 minutos. Acabou por terminar em 38º lugar.