José Mourinho atingiu na passada sexta-feira a marca dos 100 jogos pelo Manchester United, com um triunfo fácil a contar para a Taça de Inglaterra com o Yeovil Town por 4-0. Ao todo, entre Premier League, Taça de Inglaterra, Taça da Liga, Supertaça de Inglaterra, Supertaça Europeia, Liga dos Campeões e Liga Europa, ganhou 62 jogos, somou 23 empates, sofreu 15 derrotas e conquistou três troféus (Supertaça, Taça da Liga e Liga Europa).

Os red devils avançaram para a renovação de contrato com o técnico português e esse acabou por ser um dos temas de conversa na antecâmara de uma complicada deslocação a Wembley para defrontar o Tottenham. “O clube, a direção e os proprietários tem as mesmas ambições do que eu, tem a mesma vontade de elevar o nível. Acreditamos uns nos outros, temos objetivos em comum e vamos à procura deles”, resumiu, ao mesmo tempo que falou no bom momento que a equipa atravessa (cinco vitórias em janeiro) e admitiu deixar sair Zlatan Ibrahimovic para os Los Angeles Galaxy se for esse o desejo do avançado sueco.

No entanto, e entre estes assuntos todos, o que mais se fala é mesmo de uma carta. Uma carta com o logo do United no topo superior direito e a assinatura do treinador português. E que foi uma surpresa para todos, sobretudo para o recetor da mesma, o adepto Fredrick Schofield, de 94 anos, que teve um ataque cardíaco.

Caro Fred,

Fomos recentemente avisados sobre a sua fantástica dedicação ao Manchester United.

Só queria escrever para agradecer o seu apoio leal e a sua devoção ao clube. O entusiasmo dos fãs continua a surpreender-me.

Sei que teve recentemente um período complicado, mas espero que possa ajudar o facto de eu, os jogadores e todo o staff estarmos a pensar em si.

Sinceramente,

José Mourinho

A carta foi dada a conhecer no Twitter pela filha de Fredrick e deixou também sensibilizado o neto, Kieran, que por acaso até é adepto do Manchester City. “O crédito tem de ser dado a quem merece crédito. Quando os contactei [Manchester United] nunca pensei que fizessem algo assim, excedeu as minhas melhores expetativas. A paixão na nossa cidade é fantástica e divide-nos, mas também nos pode unir quando é preciso”, comentou.