Numa época em que a ‘febre’ dos SUV está no auge, a Skoda não quer ficar de fora e, depois do grande Kodiaq, assim como do concorrente do Nissan Qashqai, o Karoq, a marca checa prepara já, para o próximo Salão Automóvel de Genebra, aquele que será o rival de propostas como o Hyundai Kauai ou o Seat Arona – o Skoda Vision X. Nome, certamente, provisório, mas que já tem imagens para identificar.

Com o salão suíço a cerca de um mês de distância, a marca checa deu a conhecer os primeiros esboços daquele que será o mais pequeno da sua família de SUV e crossovers, destinado concretamente ao segmento B-SUV, onde não só a procura tem aumentado de forma mais significativa, como a oferta também tem vindo a crescer substancialmente.

Apresentado ainda numa forma conceptual, o Vision X não esconde, no entanto, as parecenças com alguns futuros rivais, entre os quais, o Seat Arona. Replicando, assim, uma estratégia já colocada em prática, por exemplo, com o Skoda Karoq e o Seat Ateca.

Já nos desenhos do interior, que garantidamente sofrerão ajustes face àquilo que será a versão de produção, é impossível não reparar no novo volante, assim como num generoso ecrã “flutuante”, display este que permitirá aceder aos serviços de infoentretenimento e de conectividade. A que se juntam ainda comandos do ar condicionado que poderão ser encarados como um dos vários elementos de diferenciação.

Já quanto a aspectos técnicos e motorizações, a marca revela para já que estamos perante um híbrido. E mais não diz, reservando para o certame suíço mais esclarecimentos. Mas o Skoda Vision X irá optar, quase garantidamente, pela mesma plataforma MQB A0 do Grupo Volkswagen, que serve de base a outras propostas do género oriundas de outras marcas do construtor, assim como pela mesma oferta em termos de motores. Contando, entre outros, com os já conhecidos 1.0 TSI a gasolina e 1.6 TDI a gasóleo, ambos nas variantes de 95 e 115 cv de potência.