A lâmina da espada da estátua de Simón Bolívar foi roubada na Praça de Bolívar, no centro da cidade de Bogotá, segundo a imprensa local, que cita autoridades policiais.

As autoridades analisaram os vídeos das câmaras de vigilância na zona para tentar detetar os responsáveis pelo roubo da lâmina da emblemática estátua da capital colombiana, que está localizada junto ao Palácio da Justiça e ao Palácio de Leivano, onde funciona o governo municipal.

De acordo com informações dos meios de comunicação local citadas pela agência EFE, os ladrões não conseguiram roubar o cabo da espada porque estava fundido com o resto do monumento.

Simón Bolivar (1783/1830) foi um líder político e militar venezuelano que comandou as revoluções de libertação de países como a Venezuela, a Colômbia ou a Bolívia do domínio espanhol.

A estátua de Simón Bolívar foi esculpida pelo italiano Pietro Tenerani a pedido de José Ignacio París, amigo de Bolívar.