Futebol

Rúben Semedo fica em prisão preventiva

315

O internacional português vai ficar em prisão preventiva. Rúben Semedo é acusado de agressão, sequestro e roubo e foi ouvido esta quinta-feira num tribunal de Valência.

AFP/Getty Images

Rúben Semedo vai ficar em prisão preventiva até ao julgamento. O internacional português foi na manhã desta quinta-feira ouvido no tribunal de primeira instância e instrução de Llíria, em Valência. O jogador do Villareal, que está há dois dias detido na dependência da Guardia Civil em Patraix, chegou algemado e com um carapuço na cabeça.

O central português é acusado de agressão, detenção ilegal e roubo. De acordo com o jornal Las Provincias, a queixa do futebolista foi apresentada na semana passada, no dia 12. A vítima alega que Semedo e outros dois homens o terão atado e agredido em casa do jogador, em Bétera. Como conta o jornal, relatando o episódio contado pela vítima, os agressores terão roubado não só as suas chaves de casa mas também dinheiro e tudo o que pudesse implicá-los com o episódio numa altura em que estava imobilizado. Além disso, um dos agressores disparou ainda duas vezes para o ar e Rúben Semedo terá ameaçado cortar um dedo à vítima.

A vítima identificou Rúben Semedo e um primo do futebolista como duas das três pessoas que o ataram, agrediram e roubaram. A Unidade de Polícia Judicial da Guardia Civil de Valência ficou responsável pela investigação e ouviu alguns vizinhos do jogador, que confirmaram a passagem de pessoas pela vivenda, algumas saindo pouco depois de entrarem.

Nos últimos quatro meses, esta é já a terceira vez que Rúben Semedo se vê a contas com a justiça espanhola. Em outubro, foi acusado de agredir um homem à porta de uma discoteca. Em dezembro, foi detido pela Polícia Nacional por ter alegadamente ameaçado um funcionário de uma discoteca com uma pistola. Na altura, o Ministério Público espanhol pediu dois anos de prisão para o internacional português.

[Veja aqui as histórias de violência de Rúben Semedo em Espanha]

Esta quarta-feira, a polícia espanhola realizou buscas em casa de Rúben Semedo: foi encontrada uma arma e uma discoteca ilegal na cave da vivenda. De acordo com o Las Provincias, a pistola encontrada é a arma “utilizada durante a agressão” de que o jogador é acusado.

O empresário do central do Villareal garante que a arma encontrada não é do jogador. Em declarações ao Record, Catió Baldé garante que Rúben Semedo “foi envolvido numa burla e está consciente de que tudo será devidamente explicado e a polícia vai dizer de quem é a arma.”

A Marca revela que o antigo jogador do Sporting começou a ser ouvido por volta das 8h30 (hora de Portugal) e deve ficar a saber esta quinta-feira se é libertado ou fica em prisão preventiva.

“A minha vida corre perigo”, diz vítima

O homem que terá sido sequestrado, atacado e roubado por Rúben Semedo vive recolhido no seu apartamento com “muito medo”. De acordo com o jornal Las Provincias, há dias que a vítima não sai de casa por temer represálias e diz que a sua vida “corre perigo”.

A vítima, que sofreu uma fratura de tornozelo e caminha com a ajuda de uma muleta, diz que os seus agressores são “muito violentos”. De acordo com um vizinho do jogador português, a vítima, descrita como “jovem”, terá sido golpeada com tacos de basebol por Semedo,  por um primo do futebolista e por outro homem, antes de ser amarrada com cordas e presa numa habitação.

O jovem afirma que conseguiu escapar após um descuido dos raptores, que o transportavam para Valência. Semedo e os restantes terão ido à cidade para procurar um individuo que devia dinheiro ao jogador. No momento da fuga, segundo a versão que o jovem contou ao Las Províncias, o jogador do Villareal terá disparado a pistola duas vezes na sua direcção, mas não lhe acertou. O incidente terá ocorrido na avenida de Blasco Ibáñez.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)