Ponte 25 de Abril

Ponte 25 de Abril. Bloco de Esquerda admite propor fim das portagens se obras afetarem travessia

231

O Bloco de Esquerda admite propor a isenção de pagamento das portagens na Ponte 25 de Abril caso as obras "afetem a travessia". Os trabalhos deverão decorrer durante a noite e aos fins de semana.

MARIO CRUZ/LUSA

O Bloco de Esquerda admite a possibilidade de propor a isenção temporária do pagamento de portagens na Ponte 25 de Abril caso as obras tenham “impacto na travessia”. O deputado Heitor de Sousa acrescentou ainda que, tal como acontece com o CDS-PP, o partido pretende ouvir Pedro Marques – ministro do Planeamento e das Infraestruturas – no Parlamento.

É uma questão bastante pertinente. Se se confirmarem os impactos na travessia e na redução da qualidade do serviço prestado na travessia, se isso vier a acontecer, prevê-se que essa possibilidade [isenção de pagamento de portagens] ocorra”, explicou Heitor de Sousa em conferência de imprensa.

O deputado do Bloco de Esquerda, citado pelo Eco, acrescenta que é “surpreendente que a notícia de uma intervenção urgente surja agora, sabendo-se que existe uma monitorização e fiscalização permanente da parte das entidades, nomeadamente do Laboratório Nacional de Engenharia Civil”. Heitor de Sousa apontou depois para a Lusoponte, criticando o facto de ser o Estado a arcar com os custos das obras – avaliados em 18 milhões de euros. “Existe uma parceria público-privada com a Lusoponte para a gestão das pontes Vasco da Gama e 25 de Abril”, atirou o deputado bloquista.

As obras na principal ligação entre Lisboa e a margem sul do Tejo vão decorrer durante dois anos, à noite e aos fins de semana, segundo informação entretanto avançada pelas Infraestruturas de Portugal. O concurso público para a adjudicação da obra abre ainda este mês.

A revista Visão noticiou esta quinta-feira que o Governo recebeu no mês passado um relatório do Laboratório Nacional de Engenharia Civil que alerta para a necessidade de “medidas urgentes” de reparação da ponte, depois de “terem sido detetadas ‘fissuras’ numa zona estrutural da travessia”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)