Touradas

Campo Pequeno lança época taurina e festeja 40 anos de alternativa de João Moura

As comemorações dos 40 anos de alternativa de João Moura e dos 20 anos de "doutoramento" de Rui Fernandes vão marcar a temporada tauromáquica deste ano no Campo Pequeno, em Lisboa.

MÁRIO CRUZ/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

As comemorações dos 40 anos de alternativa de João Moura e dos 20 anos de “doutoramento” de Rui Fernandes, além da presença de toureiros espanhóis, vão marcar a temporada tauromáquica deste ano no Campo Pequeno, em Lisboa. A nova época taurina, em que o abono (conjunto de festejos) é constituído por 11 corridas de toiros e uma novilhada, é classificada pela empresa que gere a praça como “torista”, devido às características das ganadarias participantes, consagradas e consideradas duras.

Com os festejos este ano a terem início às 21h45, a época abre no dia 5 de abril com os cavaleiros Rui Fernandes, João Moura Jr. e João Telles Jr. na lide de touros de António Silva, cabendo as pegas aos forcados amadores de Santarém e de Montemor-o-Novo. Para 28 de abril está anunciada uma novilhada de “oportunidade a novos valores”, integrada no IV Certame de Novilhadas das Escolas Taurinas. Em praça vão estar os cavaleiros praticantes António Prates, Soraia Costa e Ricardo Cravidão e os novilheiros praticantes Sérgio Nunes, João d’Alva, Luís Silva e Rui Jardim.

As pegas vão estar a cargo dos forcados amadores da Moita, Tertúlia Tauromáquica do Montijo e de Arruda dos Vinhos, sendo lidados novilhos de várias ganadarias. No dia 17 de maio é celebrado o 12.º aniversário da reinauguração do Campo Pequeno, com os cavaleiros António Ribeiro Telles, João Moura Caetano e o rejoneador espanhol Pablo Hermoso de Mendoza a lidarem touros de David Ribeiro Telles, enquanto as pegas cabem aos forcados amadores de Lisboa e de Coruche.

A comemoração dos 40 anos de alternativa de João Moura constitui um dos pontos altos da temporada lisboeta, a 7 de junho, no decorrer de uma corrida mista, que reúne em praça o homenageado e os seus filhos, os cavaleiros João Moura Jr. e Miguel. Na parte apeada toureia o novilheiro João Augusto Moura, sobrinho do toureiro homenageado. Nessa corrida são lidados touros de Manuel Coimbra, Francisco Romão Tenório e Torre de Onofre, cabendo as pegas das lides equestres aos forcados amadores de Portalegre, Arronches e de Monforte.

No dia 21 de junho é a vez de um festejo fora do abono, com os cavaleiros Marco José, Gilberto Filipe, Gonçalo Fernandes (confirma a alternativa), Marcelo Mendes, Parreirita Cigano e Verónica Cabaço, cabendo as pegas aos touros de Veiga Teixeira aos amadores de Coimbra, Monsaraz e do Cartaxo. A temporada prossegue no dia 5 de julho, reunindo em praça o cavaleiro João Telles, os forcados do Aposento da Chamusca e os matadores de touros espanhóis Morante de La Puebla e José Mari Manzanares, na lide de touros de Paulo Caetano. Os cavaleiros Luís Rouxinol, Filipe Gonçalves e Francisco Palha compõem, por sua vez, o cartel do dia 19 de julho, ao lado dos forcados do Ribatejo, Chamusca e de Cascais, lidando-se touros de Pinto Barreiros.

No dia 2 de agosto regressa ao Campo Pequeno mais uma corrida mista, com as cavaleiras Sónia Matias e Ana Batista e os matadores de touros portugueses António João Ferreira e Nuno Casquinha. As pegas vão estar a cargo dos amadores das Caldas da Rainha e são lidados touros de São Torcato. A tradicional “Corrida do Emigrante” decorre a 09 de agosto com touros de Vale Sorraia, atuando os cavaleiros Rui Salvador, Brito Paes, Manuel Telles Bastos, Duarte Pinto, o rejoneador espanhol Andrés Romero e David Gomes (estes dois últimos confirmam a alternativa).

As pegas vão estar a cargo do Real Grupo de Forcados Amadores de Moura, amadores do Montijo e de Turlock (Canadá). A empresa que gere a praça prevê, ainda, para “23 ou 24” de agosto, um outra corrida de toiros, estando, por enquanto, confirmadas as presenças da ganadaria Murteira Grave e dos forcados de Vila Franca de Xira e do Aposento da Moita.

Já em setembro, no dia 06, são assinalados no Campo Pequeno os 20 anos de alternativa de Rui Fernandes. O toureiro reparte cartel com João Moura e o rejoneador espanhol Pablo Hermoso de Mendonza, na lide de touros ainda a designar, cabendo as pegas aos Amadores de Évora e de Alcochete.

A empresa do Campo Pequeno pretende também realizar uma corrida de touros no dia 20 de setembro, para fechar, depois, a época tauromáquica no dia 11 de outubro com uma Corrida de Gala à Antiga Portuguesa.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Touradas

O PS e as touradas

Leonel Moura
150

O PS é, no essencial e prática corrente, um partido que representa a velha cultura. Desde logo porque, pela sua história e cumplicidades, tem uma conceção de cultura que remonta a meados do século 20.

Touradas

A Disneylei

José Ribeiro e Castro
2.620

A Disneylândia é um parque de diversões. Já a Disneylei acontece na manhã de sexta-feira, no plenário da Assembleia da República. Aí será discutido o projecto de lei do PAN para proibir as touradas.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)