Futebol

Seleção portuguesa de sub-17 consegue vitória no último minuto

Um golo de Francisco Saldanha no último minuto deu a vitória por 2-1 à seleção portuguesa de sub-17 sobre a Eslováquia, em jogo do grupo 4 da ronda de elite para o Campeonato da Europa de 2018.

José Goulao/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

Um golo de Francisco Saldanha no último minuto deu a vitória esta segunda-feira à seleção portuguesa de sub-17, de 2-1, sobre a Eslováquia, em jogo do grupo 4 da ronda de elite para o Campeonato da Europa Inglaterra2018.

O capitão da ‘equipa das quinas’ foi a figura do jogo, disputado na Ribeira Brava, pois, além de dar a vitória, já tinha assistido Félix Correia para o primeiro golo, aos 11 minutos, tendo Patrik Ilko empatado para os eslovacos.

Portugal partilha assim a liderança do grupo 4 com a Suíça, que venceu esta segunda-feira, também por 2-1, à Finlândia, no Estádio da Madeira.

A equipa lusa começou desde cedo a povoar o meio-campo adversário e precisou apenas de um remate para chegar ao golo.

Aos 11 minutos, ataque construído pelo flanco esquerdo, com o capitão Francisco Saldanha a assistir para a finalização de Félix Correia no centro da grande área.

Quatro minutos depois, uma jogada de insistência não concluída por Portugal, pois Nuno Cunha rematou ao lado.

A Eslováquia mostrava dificuldade em chegar perto da baliza de João Monteiro, embora ainda tenha causado um calafrio à passagem do minuto 25, quando a defesa portuguesa adormeceu, situação não aproveitada por Patrik Myslovic.

Portugal voltou a entrar melhor na segunda parte, ao criar perigo aos 43 minutos, com um remate de Rodrigo Fernandes que saiu por cima.

No entanto, foram os visitantes a chegarem o golo, aos 56 minutos, na sequência de um canto do lado direito, em que Patrik Ilko concluiu com um remate de primeira.

A seleção eslovaca estava mais confiante e começou a subir mais no terreno, exercendo mais pressão aos jogadores portugueses e podia ter feito o segundo golo, mas o livre direto de David Strelec acertou na barra, aos 64 minutos.

A equipa de Rui Bento procurava a vitória, mas os ataques tinham pouco sucesso e era a Eslováquia a criar mais perigo.

Ainda assim, no último minuto da partida, um livre de Ronaldo Camará terminou com a finalização de Francisco Saldanha, que levou à invasão de campo dos companheiros de equipa que estavam no banco de suplentes a festejarem o triunfo suado.

O próximo jogo de Portugal é quinta-feira com a Suíça, pelas 16h00, no Estádio do Marítimo, o mesmo palco da última partida, que se realiza domingo, com a Finlândia, também às 16h00.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)