Bolsa

Bolsas europeias em alta à espera da inflação nos Estados Unidos

As principais bolsas europeias negociavam hoje em alta, exceto Londres, à espera da inflação em fevereiro nos Estados Unidos. Cerca das 9h10 em Lisboa, o EuroStoxx 600 estava em alta, a subir 0,08%.

FACUNDO ARRIZABALAGA/EPA

As principais bolsas europeias negociavam hoje em alta, exceto Londres, à espera da inflação em fevereiro nos Estados Unidos. Cerca das 9h10 em Lisboa, o EuroStoxx 600 estava em alta, a subir 0,08% para 379,52 pontos.

As bolsas de Paris e Frankfurt estavam a subir 0,51% e 0,11%, respetivamente, bem como as de Madrid e Milão que avançavam 0,68% e 0,32%. Londres recuava 0,02%. Depois de ter aberto em alta, a bolsa de Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 9h10, o principal índice, o PSI20, estava a subir 0,34% para 5.456,82 pontos.

Em janeiro a inflação nos Estados Unidos subiu 0,5% face a dezembro e 2,1% face ao mesmo mês de 2017 e os analistas consideram que, se houver uma nova subida, a Reserva Federal poderá subir mais vezes as taxas de juro do que as que tinha previsto. Entretanto, os investidores continuam a acompanhar os desenvolvimentos políticos dos resultados das eleições de domingo em Itália, onde a coligação de centro direita, com a Liga do Norte que supera a Força Itália, ganhou, seguida pelo Movimento 5 Estrelas (M5S), que se converte no partido mais votado, mas que em nenhum dos casos é conseguida a maioria suficiente para governar.

Em Nova Iorque, a bolsa de Wall Street terminou mista, com o Dow Jones a cair 0,62% para 25.178,61 pontos, depois de ter subido em 26 de janeiro até aos 26.616,71 pontos, atual máximo desde que foi criado em 1896, mas o Nasdaq a avançar 0,36% para 7.588,32 pontos, um novo máximo de sempre.

A nível cambial, o euro abriu em alta no mercado de divisas de Frankfurt, a cotar-se a 1,2330 dólares, contra 1,2322 dólares no fecho de segunda-feira.

O barril de petróleo Brent, para entrega em maio, abriu hoje em baixa, a cotar-se a 65,43 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, menos 0,13% do que no encerramento da sessão anterior.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)