Citroën

emov. Empresa de carsharing “eléctrica” chega a Lisboa

Em Abril, começará a operar em Lisboa o novo serviço de partilha automóvel emov, que vai disponibilizar uma frota exclusivamente zero emissões. São 150 Citroën C-Zero, de quatro lugares, eléctricos.

emov é como se chama o primeiro serviço de carsharing em Lisboa que disponibiliza uma frota integralmente composta por veículos eléctricos, pelo que se define como uma proposta de “mobilidade mais sustentável e inteligente”.

À disposição dos clientes que queiram deslocar-se pela capital portuguesa vão estar 150 Citroën C-Zero, o eléctrico escolhido para o lançamento deste serviço em Portugal. Isto depois de Madrid ter sido a primeira cidade onde a emov se lançou no carsharing na modalidade de free floating – o que significa que os utilizadores podem aceder a qualquer veículo emov estacionado nas ruas através do smartphone.

Por cá, vai manter-se essa modalidade, com a nota enviada à imprensa a realçar que, “entre as vantagens do serviço, inclui-se a possibilidade de deixar a viatura estacionada em áreas de estacionamento reguladas, dentro do perímetro de utilização do serviço, sem ter que pagar por isso”. O comunicado acrescenta ainda que nas imediações do aeroporto vai haver uma área reservada à emov, para que os clientes possam fazer assim a ligação à cidade.

Para utilizar o serviço, basta descarregar uma app dedicada, compatível com sistemas iOS e Android. A aplicação permite não só reservar gratuitamente um Citroën C-Zero com 20 minutos de antecedência, como abrir e fechar a viatura, não havendo lugar a qualquer pagamento até que o cliente comece a utilizar o veículo.

Contudo, o comunicado não especifica qual é o “perímetro de utilização do serviço”, nem que tarifas serão praticadas. O Observador tentou obter estas informações junto da PSA – a emov é uma empresa espanhola nascida da aliança entre a Eysa e a Free2Move, a nova marca de serviços de mobilidade do Grupo PSA – mas, até ao momento, sem sucesso.

Prémios Auto 2017 Observador - A escolha dos portugueses

Chegou ao fim a primeira edição dos Prémios Auto Observador. Obrigado pela massiva participação e pelos mais de 40.000 votos recolhidos. Entre 65 modelos a votação, envolvendo um total de 34 marcas, confira aqui os resultados finais.

Chegou ao fim a primeira edição dos Prémios Auto ObservadorVer resultados
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: scarvalho@observador.pt
Arménia

Arménios não querem “putinismo” no seu país

José Milhazes

A crise política na Arménia está longe do fim, mas já se pode tirar uma conclusão: os cidadãos desse país da Transcaucásia disseram não à rotatividade política copiada da Rússia pelos seus dirigentes.

25 de Abril

A liberdade

Paulo Tunhas

A nossa tradição, a nossa casinha, é pequenina e esperanças sanguíneas não são recomendáveis: temos de andar sempre um bocado curvados. Se fosse preciso prova disso, os discursos de ontem mostraram-no

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

Detalhes da assinatura

Acesso ilimitado a todos os artigos do Observador, na Web e nas Apps, até três dispositivos.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Inicie a sessão

Ou registe-se

Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)