Se é daqueles homens que, no armário da casa de banho, tem um after-shave, um perfume e, quando vai tomar banho, usa o que quer que seja que esteja na banheira (compras da mulher da casa, claro), fique a saber que está em minoria. Porque o mercado de cuidados masculinos está a crescer. E há dados interessantes. Estudos do Grupo L’Oréal revelaram que, em 2017, o número de homens a utilizar produtos de tratamento de cabelo pós-champô aumentou 53% desde 2013, contrariando assim a tendência de que a beleza era apenas do domínio feminino. E prevê-se que que o mercado de cuidados masculinos atinja os 60 biliões de dólares até 2020, de acordo com a Euromonitor.

Redken é uma das marcas que nos últimos anos tem contribuído para este crescimento nos cuidados masculinos. Tendo tido sempre como foco os salões, os profissionais e a sua educação, Redken cresceu com uma filosofia irreverente, ultrapassando fronteiras  e criando tendências um pouco por todo o mundo. Quase como um clube de mulheres ousadas que agora abre, finalmente, as portas aos homens. Em 2018, a marca lança em Portugal Redken Brews, uma linha completa e totalmente masculina com produtos para cabelo, coloração, pele e barba.

Os homens, a pele e a barba

Há uma razão evolutiva para os homens terem barba. O The International Dermal Institute diz que, por terem passado mais tempo ao ar livre expostos aos elementos enquanto procuravam alimentos, a barba tornou-se uma proteção contra os raios UV, contra o frio e também uma forma de camuflagem durante a caça. Talvez seja por isso que a barba seja nos dias de hoje um sinónimo de masculinidade e maturidade.

E por cá, o português é um homem, como se costuma dizer, de barba rija. Seis em cada dez portugueses usa barba e sete em cada dez vai com frequência ao cabeleireiro ou ao barbeiro.  Na verdade, todos os tipos de homem precisam de produtos adequados ao seu tipo de pele, de cabelo e de barba.

Um homem sem barba vai precisar de barbear com frequência e, como tal, de dar maior hidratação à pele. Um homem de barba aparada vai necessitar de aparar, fazer contornos e, claro, também hidratar a pele. Já um homem com barba assumida, não só vai necessitar de aparar mas também nutrir e hidratar tanto a pele como a própria barba.

Das barbearias old-school para casa

Esta moda das barbearias retro está mais do que instalada em Portugal. E a visita do jogador David Beckham a uma barbearia lisboeta correu o mundo. Faz, por isso, sentido que a procura pelas experiências “men only” esteja na herança de Redken Brews

que foi buscar inspiração a este espírito das barbearias, da vida urbana da cidade de Brooklyn e da cerveja, a terceira bebida mais popular do mundo (logo depois da água e do café) e tão associada ao universo masculino.

E sendo um mercado em expansão, o que Redken Brews traz a Portugal é a democratização da beleza profissional masculina e uma extensão do serviço de cabeleireiro com uma área dedicada aos homens, tanto no salão como depois em casa.

A representar esta marca em Portugal está o cantor Diogo Piçarra que representa o homem descontraído e urbano mas que, ainda assim, gosta de cuidar de si e que precisa de produtos simples e que falem diretamente para ele. Sobre ter abraçado este novo projeto, Diogo disse ao Observador que, quando conheceu a marca, percebeu que era exatamente o que faltava aos homens portugueses. “Há tanta coisa para mulheres e nós precisamos de facto de produtos, tanto para a barba como para a pele ou o cabelo. Mesmo os homens que têm o cabelo mais curto precisam de alguns cuidados. Até os mais desleixados, como eu.”

O que os homens vão poder usar

Na apresentação de Redken Brews em Lisboa, Nuno Barge, diretor de Redken em Portugal, disse ao Observador que o mercado de homem está a crescer em Portugal e no próximo ano, Redken quer ser a marca líder do segmento profissional masculino. “Aquilo que nós procuramos é exatamente trazer aquele lado mais irreverente, mais urbano, mais descontraído a todos os homens, com uma marca específica para eles. Queremos ser uma das marcas transformadoras dos cabeleireiros e dos barbeiros em Portugal e tornar este sector cada vez mais moderno e próximo do consumidor.”

24 fotos

Redken Brews tem, então, alguns dos produtos de cabelo masculinos mais icónicos da marca, agora reformulados para incluir o malte, o novo ingrediente que deu o nome à linha (brews, ou seja, fermentação, e a inspiração na cerveja que também está nas embalagens em forma de garrafa). Ao portfólio acrescentam-se também novos produtos de styling, cor (camuflagem de brancos em cinco minutos que desvanece com as lavagens) cuidados de pele e de barba para responder a todas as necessidades dos homens, tanto na cadeira do barbeiro como na casa de banho de casa. De referir que todos os produtos têm embalagens 100% recicladas.

Para entrar neste espírito, Redken lança ainda em parceria com a marca portuguesa Oitava Colina a Barber Jerry, uma cerveja artesanal que vai poder experimentar nos salões Redken.