Emigrantes

Remessas dos emigrantes subiram 3% para 272 milhões em janeiro

As remessas dos emigrantes subiram para 272 milhões de euros em janeiro face ao primeiro mês do ano passado, enquanto as verbas enviadas pelos estrangeiros em Portugal aumentaram para 45,7 milhões.

António Cotrim/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

As remessas dos emigrantes subiram 3% em janeiro face ao primeiro mês do ano passado, para 272 milhões de euros, enquanto as verbas enviadas pelos trabalhadores estrangeiros em Portugal aumentaram 2,3%, para 45,7 milhões.

De acordo com os dados do Banco de Portugal, disponibilizados esta terça-feira, as verbas enviadas para Portugal pelos portugueses a trabalhar no estrangeiro passaram de 264 milhões, em janeiro de 2017, para 271,9 milhões de euros no primeiro mês deste ano, o que representa uma subida de 3%.

Em sentido inverso, as verbas enviadas para os seus países de origem pelos estrangeiros a trabalhar em Portugal passaram de 44,7 milhões de euros em janeiro de 2017 para 45,7 milhões de euros em janeiro deste ano, um aumento de 2,3%.

Os dados do Banco de Portugal mostram ainda que, como habitualmente, a França foi o maior mercado emissor de remessas para Portugal, com os portugueses emigrados a enviarem 81 milhões de euros, o que representa uma subida de 11,4% face aos 72,6 milhões enviados em janeiro de 2017.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site