A barba cinzenta, farfalhuda, não foi o primeiro sinal de estilo. Antes desse vislumbre, o olhar da lente perdeu-se no chapéu e na samarra vistos de trás. Só então, o homem de identidade incerta se virou e a última noite de streetstyle na 42º edição do Portugal Fashion encontrou o seu rei. Foram precisos quatro dias para aqui chegar, contando com a passagem por Lisboa, em que folhos, pelo, fatos completos e casacões falaram mais alto. O segredo esteve sempre, desde o primeiro momento, nos detalhes e este sábado não houve exceção à regra: óculos de sol de lentes avermelhadas, malas XXL às riscas, padrões coloridos, bombers inusitados e sapatos de princesa deram nas vistas entre a multidão que encheu a grande tenda branca montada pela organização. E, felizmente para nós, nem tudo o que acontece dentro da grande tenda fica dentro da grande tenda.

18 fotos