Este é o último dos cinco webisódios que revelam mais detalhe sobre Carta Aberta, o álbum que marca a estreia do português João Couto. E é em Nova Jérsia que (quase) tudo se passa:

A pop portuguesa é um dos guias de João Couto, de Rui Veloso ou GNR a Miguel Araújo, passando pelos nomes com quem colabora neste álbum, gente como Samuel Úria, Janeiro ou Pedro de Tróia. A isso juntou clássicos inevitáveis: Beatles, Queen e outros que pela casa lhe ocupassem o lugar nas estantes dos discos. Juntou escolas diferentes, do coro da igreja ao Ídolos, programa que venceu na sexta edição, em 2015.

O que vê João Couto entre as canções: episódio 4

João Martins é o produtor deste conjunto de canções que, como explica João Couto pelas próprias palavras, “canta-se a solidão, a fuga, o amor e desamor, a rotina, a promessa, as insónias leves mas acima de tudo, o carinho que as cura”.

João e a “Carta Aberta”: episódio 3