INEM

Mais de 3.100 casos de AVC encaminhados pelo INEM em 2017

O Instituto Nacional de Emergência Médica registou no ano passado 3.138 casos de ACD, que foram encaminhados para a Via verde do AVC, o que representa uma média de nove casos por dia.

As regiões que surgem com maior numero de casos de AVC registados e encaminhados pelo INEM são Braga, com 263 casos, e Setúbal, com 242

NUNO VEIGA/LUSA

Autor
  • Agência Lusa
Mais sobre

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) registou no ano passado 3.138 casos de Acidente Vascular Cerebral (AVC), que foram encaminhados para a Via verde do AVC, o que representa uma média de nove casos por dia.

Os dados foram revelados esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), a propósito do Dia Nacional do Doente com AVC, que se assinala no sábado, que dá conta ainda de que Lisboa e Porto são os distritos com o maior número de encaminhamentos, com 692 e 635 casos, respetivamente.

Em terceiro e quarto lugar, as regiões que surgem com maior numero de casos de AVC registados e encaminhados pelo INEM são Braga, com 263 casos, e Setúbal, com 242.

A mesma estatística indica que os Hospitais de São José e de Santa Maria, em Lisboa, foram os que receberam mais casos de AVC encaminhados pela via verde do AVC: 294, no primeiro caso, e 260, no segundo. Seguem-se os hospitais de Braga (250), de São João (233), no Porto, e Padre Américo, em Penafiel (189).

O AVC continua a ser uma das principais causas de morte em Portugal, sendo também a principal causa de morbilidade e de potenciais anos de vida perdidos no conjunto das doenças cardiovasculares.

O INEM alerta que as primeiras horas após o início dos sintomas de AVC são essenciais para o socorro da vítima, pois é esta a janela temporal que garante a eficácia dos principais tratamentos.

O INEM aconselha, por isso, os cidadãos a ligarem o 112 nos casos em que haja sinais ou sintomas de AVC, como falta de força num braço, boca ao lado ou dificuldade em falar.

Através do 112, o INEM coordena a assistência pré-hospitalar e encaminha as vítimas para o hospital mais adequado. Desde que esta Via Verde do AVC foi criada, em 2006, mais de 31 mil doentes beneficiaram de um melhor tratamento, acrescenta o INEM.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)