Uma turista alemã provocou a queda da estátua do Ardina, localizada na Praça da Liberdade, no Porto.

Fonte da PSP do Porto disse ao Observador que o incidente ocorreu este sábado. A mulher ter-se-á agarrado à figura, mas não terá tido intenção de a danificar. A queda ocorreu devido a algum “desgaste” da estátua, acrescentou a mesma fonte. A TVI, por sua vez, refere que a mulher estava a tentar tirar uma fotografia. A PSP referiu ainda que não se registaram feridos.

Um vídeo, onde a estátua aparece caída, foi partilhado nas redes sociais. Nas imagens, é possível ver uma pessoa estendida no chão.

A estátua de bronze, feita por Manuel Dias em 1990, foi recolhida pelos serviços da Câmara do Porto para posteriormente voltar a ser colocada no mesmo sítio.

O Jornal de Notícias refere que a figura parece não ter ficado danificada. Ao contrário do que aconteceu com a estátua de D. Sebastião, que se encontrava à entrada da estação de comboios do Rossio, em Lisboa. Em maio de 2016, a figura ficou destruída após um jovem se pendurar sobre a mesma, também para tirar uma fotografia.

Meses depois, uma escultura de madeira de São Miguel Arcanjo, no Museu de Arte Antiga, foi derrubada por um turista. Ao tirar uma fotografia, o homem de nacionalidade brasileira começou a andar de costas e embateu na escultura do século XVIII, provocando a sua queda.