Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A primavera já não é o que era. Lado a lado com os clássicos estivais, das passerelles e do estilo de rua chegam peças e padrões que podem perfeitamente ser usados durante todo o ano. Falamos de xadrezes outonais, de botas texanas (estas, há muito, parte do dress code dos festivais de verão), de cardigans (sim, eles voltaram) e das saias lápis, bem menos arejadas do que as minissaias da época. Ao mesmo tempo, a moda só prova estar cada vez mais indiferente à mudança de estação. Exemplos? As peças e materiais que transitam diretamente do último outono-inverno — a ganga continua em alta e desafia-nos a sair à rua com cortes inusitados e a arriscar no full denim (porque não?) e os trench coats também estão em jogo, divididos entre as silhuetas clássicas (cintadas), as versões oversized e os acabamentos inusitados.

E as flores? Chamar-lhes tendência de primavera começa a ser um tanto ou quanto redutor. O último inverno esteve impregnado de motivos florais, um jardim que recebe a nova estação cheio de viço. Os motivos são profusos, em alguns casos com aquele peso emprestado pelas naturezas mortas e ainda mais próximos do sofá da avó. Mas esta também é uma estação de contrastes. Tecidos técnicos como o mesh, o poliamida e o PVC invadiram as passerelles e, ao contrário do que seria de esperar, não estão só em casacos impermeáveis (é sempre bom ter um à mão) — há saias, sapatos, calças e vestidos.

Nas malas, é oito ou 80. As bolsas à cintura não dão sinais de quererem arredar pé. Por outro lado, as tote bags crescem, aproximando-se dos famosos sacos da Ikea, no tamanho e no material de que são feitas. A crescer a olhos vistos estão também os brincos. Tocam no ombro? Perfeito, não mexa. Do lado dos sapatos, todas as atenções estão nos saltos. Estão mais escultóricos do que nunca e, no que depender deles, esta será a primavera menos monótona de sempre.

Na fotogaleria, juntámos estas e outras tendências de moda para a primavera de 2018. São 20 pistas para ajustar o guarda-roupa à estação quente.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR