O Presidente da República desejou hoje “rápidas melhoras” ao soldado português ferido hoje em Bangui, na República Centro-Africana, onde está um contingente integrado numa força das Nações Unidas, informou a Presidência.

Marcelo Rebelo de Sousa falou telefonicamente hoje de manhã com o comandante da força nacional destacada, “tendo-se inteirado do violento incidente” com os militares portugueses, de acordo com uma nota colocada no “site” da Presidência da República (www.presidencia.pt).

O Chefe do Estado “desejou rápidas melhoras” ao soldado ferido, acrescenta a nota.

Um militar português ferido com estilhaços de granada na República Centro Africana

Um militar português ficou ferido esta madrugada na República Centro Africana, na sequência de confrontos com um grupo armado, disse hoje à agência Lusa o porta-voz do Estado Maior General das Forças Armadas.

O militar faz parte de um contingente que se encontra no país desde 5 de março.