Se costuma perder a paciência com o trânsito todas as segundas-feiras de manhã, saiba que provavelmente não tem grandes razões de queixa. As estatísticas publicadas pela Inrix e pelo Departamento dos Transportes britânico mostram que é em Moscovo que as pessoas passam mais tempo no trânsito: por lá, os russos estão um total de 91 horas parados nas estradas. No pódio estão ainda Londres e Paris. E não há nenhuma cidade portuguesa na lista das 25 cidade com o trânsito mais infernal do mundo.

Ao fim de um ano, os londrinos acumulam 73 horas no trânsito enquanto os parisienses passam 65 horas parados no asfalto. Entre as 25 cidades no topo da lista da Inrix estão cidades como Madrid, Roma ou Estocolmo, mas nenhuma cidade portuguesa aparece no ranking, que termina com Estocolmo, onde os condutores passam 35 horas por ano no trânsito.

As imagens falam por si. Veja as fotografias que testemunham o trânsito nas 10 cidades mais infernais do mundo na fotogaleria.