Há mais um caso confirmado de sarampo em Portugal, elevando o número para 107, comunicou esta quinta-feira a Direção-Geral da Saúde. Destes, 100 já estão curados, havendo ainda sete pessoas com a doença.

Além destes, estão neste momento em investigação 24 casos. Ao longo do surto, que começou no início de fevereiro, já foram investigados mais de três centenas de casos, havendo 247 casos negativos.

A DGS detalha ainda que dos casos confirmados, apenas um é de uma criança, quinze não estavam vacinados e 85 são profissionais de saúde.

O organismo recorda que continua “em curso a investigação epidemiológica detalhada da situação, que inclui a investigação laboratorial de todos os casos”, e que “a maioria dos casos tem ligação ao Hospital de Santo António, no Porto“.

“Recorda-se que o sarampo é uma das doenças infeciosas mais contagiosas podendo provocar
doença grave, principalmente em pessoas não vacinadas”, detalha a DGS, explicando que “as pessoas que já tiveram sarampo estão imunizadas e não voltarão a ter a doença“.