Mundo

Estados Unidos e Reino Unido alertam para “atividade cibernética maliciosa” na Rússia

Comunicado conjunto divulgado esta segunda-feira demonstra preocupação com a "atividade cibernética maliciosa" do Estado russo que visa as administrações e infraestruturas.

SERGEI ILNITSKY/EPA

Os Estados Unidos e o Reino Unido lançaram esta quarta-feira um raro alerta conjunto demonstrando preocupação com a “atividade cibernética maliciosa” do Estado russo, que visa as administrações e infraestruturas. “Os alvos desta ciberatividade maliciosa são, principalmente, os governos e organizações do setor privado, os fornecedores de infraestruturas cruciais e os fornecedores de serviços de Internet”, refere o comunicado conjunto.

O documento foi assinado pelo Centro Nacional de Segurança Cibernética britânico e pelo Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos e pelo FBI.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)