O Grupo Renault está a tornar-se um verdadeiro especialista na arte de contornar a forma – hoje idiota e completamente desfasada da realidade – como os veículos são considerados como pertencentes à Classe 1 das portagens nacionais e que passa por terem uma altura, ao nível do eixo da frente, inferior a 1,10 metros. Depois de ter passado ano e meio à espera que os técnicos encontrassem uma solução para furtar o Kadjar de ser “promovido” a Classe 2 – e que passou por reforçar as suspensões para o adaptar a um peso bruto de 2.300 kg –, desta vez foram apenas necessários seis meses para operar o mesmo milagre em relação ao Dacia Duster.

O novo Duster evoluiu e muito face ao anterior, em termos de qualidade de materiais e soluções, mas igualmente ao nível do equipamento e estética, agora substancialmente mais atraente, apesar de, na essência, ter mantido as linhas que o identificam como o modelo mais popular da Dacia. O problema foi que, para separar o capot do motor da mecânica, de forma a proteger a cabeça dos peões em caso de atropelamento, o Duster passou a ter uma altura de 1,12 metros ao nível das rodas, que urgia cortar em pelo menos dois centímetros.

17 fotos

A marca não divulgou a fórmula utilizada, mas como as possibilidades de reforçar as suspensões do Dacia até ele conseguir uma capacidade de carga que elevasse o peso bruto para as 2,3 toneladas não são muitas, os técnicos do construtor romeno têm de ter trabalhado na altura da suspensão, dotando o SUV de molas mais curtas e duras (eventualmente progressivas), como se tratasse de um Duster mais desportivo.

Seja como for, o Duster vai ser apresentado à imprensa portuguesa a 15 de Junho, onde será revelada a forma como se reduziu a altura a 1,10 metros, com o início da comercialização a ter lugar de seguida. Como as alterações são de pouca monta, é de esperar um incremento do preço muito ligeiro, face à geração anterior, o que irá permitir ao Duster continuar a esgrimir os argumentos comerciais que sempre o caracterizaram e lhe garantiram grande sucesso: um SUV simpático, eficaz e muiiiiito barato.