Há grandes prodígios pequenos em tamanho. É o caso da filha de Yashu que, com os seus tenros 5 anos de idade, já prova que os bons condutores não se medem aos palmos.

Via Twitter, o pai “babado” lá vai mostrando as façanhas da filha, mas sempre com cuidado para não a expor em demasia, ou seja, sem revelar o rosto desta criança que, aos 3 anos, já revelava dotes invulgares de pilotagem. A ponto de, no Salão de Tóquio, ter dados nas vistas com a sua prestação num simulador. Foi assim:

Segundo o pai, a pequena adora carros e tudo o que diga respeito ao universo do automobilismo. Razão pela qual não só está sempre disposta a ir a certames do sector, como o Salão de Tóquio e de Osaka, como “curte” ir a lojas de artigos para automóveis. E se nos seus tempos livres não estiver a fazer nem uma coisa nem outra, então o mais provável é encontrá-la num kartódromo, a medir meças com adversários com o dobro do seu tamanho ou idade.

Esta menina pouco dada a casinhas de bonecas já levou para casa algumas vitórias nos karts e diz que, quando for grande, quer competir na disciplina máxima do desporto automóvel. A Fórmula 1 é um sonho, por enquanto, mas a avaliar pela coragem com que a filha de Yashu aborda o circuito de Suzuka e faz ultrapassagens, não nos admiraria se esse sonho se convertesse em realidade. E, ao que parece, ela já está a tratar de garantir um lugar na Toro Rosso…

O tweet abaixo deixa poucas margens para dúvidas: esqueça por momentos a que distância está a pequena do ecrã, porque ela tem de chegar aos pedais, e concentre-se nos seus dotes ao volante, sempre sob o olhar atento do seu co-piloto, o gato.