Portugal realiza na manhã desta quarta-feira dois leilões de Obrigações do Tesouro a cinco e a dez anos para angariar entre mil milhões de euros e 1.250 milhões de euros.

Na semana passada, a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) indicou que as Obrigações do Tesouro (OT) a colocar têm como maturidades 25 de outubro de 2023 (cinco anos) e 17 de outubro de 2028 (dez anos).

No anterior leilão de OT a dez anos, em 14 de março, Portugal colocou 975 milhões de euros à taxa de juro de 1,778%, inferior à taxa do anterior leilão comparável, de 2,046%, em 14 de fevereiro.

Em relação ao mais recente leilão de OT a cinco anos, este realizou-se em 14 de fevereiro, quando foram colocados 490 milhões de euros à taxa de juro média de 0,577%, inferior à verificada no anterior leilão comparável de 11 de outubro de 2017 (0,916%).